7 Ferramentas Google para Marketing Online

7 Ferramentas Google para Marketing Online

7 Ferramentas Google para Marketing Online

7 Ferramentas Google para Marketing Online 620 350 Bruno Brito

Todos os dias utilizamos produtos Google. Desde o motor de pesquisa ao YouTube, passando pelo Gmail ou o Google Docs, as ferramentas fornecidas pela Google fazem parte do nosso dia-a-dia, estando não só nos browsers dos nossos computadores (que provavelmente são também da Google) como nos nossos telemóveis (quantos são Android?) ou até nas casas.

A Google é conhecida pelo seu espírito inovador, estando todos os anos a lançar novas ferramentas; nem todas são aceites pelo mercado (como aconteceu, por exemplo, com o Google Buzz e o Google Wave) mas nenhum falhanço demove a empresa de continuar a diversificar a sua oferta.

Neste artigo, não vou escrever sobre os serviços mais populares que a empresa de Mountain View oferece, como o Google Analytics ou o AdWords, mas sim mencionar ferramentas menos populares que podem ser tremendamente úteis para Marketing Online. A maior parte destas aplicações já existe há algum tempo, pelo que é seguro afirmar que deverão continuar entre nós durante alguns anos.

#1: Google Image Search

Quando estamos à procura de imagens para os nossos conteúdos, nem sempre podemos contar com o Canva para 100% das nossas necessidades.

Às vezes encontramos a imagem certa para o nosso projecto, mas é demasiado pequena. Sabemos que se a aumentarmos vai perder qualidade, portanto o que fazemos? Procuramos por uma alternativa? Não necessariamente.

Podemos pesquisar por outras versões da mesma imagem graças ao Google Image Search.

Se utilizarmos o motor de busca normalmente ganharemos acesso a uma galeria de imagens, mas a magia acontece quando clicamos em “Search by Image”.

Google Image Search

Aí, podemos optar por inserir um URL de uma imagem ou fazer upload de uma foto que temos no nosso computador.

Aqui, optei por pesquisar por esta imagem.

Depois de analisar a foto, o Google suspeita que esta fotografia foi tirada no Rossio, fornece uma lista de páginas que a utiliza e mostra mais versões da mesma imagem, com outros tamanhos – era isso que procurávamos!

Google Images All Sizes

A imagem original era de 450x176px mas se clicarmos em “All sizes” verificamos que existem imagens maiores, como 1680x656px.

Google Images - Large Image Lisboa

Podemos também filtrar os resultados pelas licenças de utilização, para garantir que não há problemas com direitos de autor.

Google Images filter by Rights

#2: Google Keyword Planner

Quando estamos a pensar em títulos e palavras-chave que queremos utilizar para o nosso próximo artigo, uma ferramenta indispensável é o Google Keyword Planner (ou Planeador de Palavras-Chave).

Esta ferramenta não só nos indica quais os termos de pesquisa mais utilizados, como nos informa sobre a competição e estatísticas desses termos e ainda nos sugere outras palavras relacionadas, para nossa consideração. Para a utilizar temos de ter a nossa conta Google associada ao Google Adwords, mas podemos fazê-lo sem gastar qualquer dinheiro em publicidade, pelo que é grátis.

Feito o login, podemos optar por uma de 4 possibilidades.

Google Keyword Planner - Opções

Se quiser sugestões de termos relacionados, opto pela 1ª opção, se procurar volume de pesquisa, selecciono a 2ª. Para este exemplo, vou adicionar algumas palavras-chave relacionadas com um artigo anterior, escolher a 1ª opção e ver que resultados obtenho.

Google Keyword Planner com palavras-chave

Posso optar por restringir a pesquisa a Portugal e Brasil e adicionar palavras-chave negativas. Estas últimas são úteis quando queremos excluir pesquisas em que sejam utilizadas palavras que não temos interesse. Se estivesse a oferecer cursos pagos, não teria interesse no tráfego de pesquisas como “cursos online gratuitos”, por exemplo.

Avançamos para o relatório e a aplicação rapidamente sugere grupos de palavras-chaves. Podemos seleccionar um grupo para visualizar as sugestões da Google e ordená-las por volume de pesquisa.

Google Keyword Planner - sugestões

Neste exemplo, vejo que existe maior interesse em cursos de fotografia e de desenho do que de Excel, por exemplo.

Se voltar atrás e clicar no 2º separador, de nome “Keyword ideas”, posso rapidamente verificar que “cursos online” é uma pesquisa muito mais popular do que “e-learning”. Tal não significa que seja melhor optar pela primeira, devido ao número de sites concorrentes que já servem conteúdos com esta palavra-chave, mas pelo menos ficamos com uma ideia.

Google Keyword Planner - Cursos

Mais abaixo, podemos também ver que pesquisas como “escola virtual” ou “cursos online gratuitos com certificado” talvez sejam boas palavras para utilizarmos nos nossos artigos.

Google Keyword Planner - outras sugestões

#3: Google Trends

O Google Trends é óptimo para rapidamente avaliarmos o que está a ser pesquisado no motor de pesquisa ou no YouTube e qual a popularidade de determinada marca/celebridade/palavra, agora ou no passado.

A página inicial dá-nos uma amostra do que esta ferramenta é capaz:

Google Trends homepage para Portugal

Mas se utilizarmos a pesquisa e compararmos marcas, obtemos resultados interessantes. Vou pesquisar por “NIke” e depois adicionar os termos “Adidas” e “Under Armour”, para comparar o interesse que existe pelas 3 marcas.

Google Trends com Nike, Adidas e Under Armour

Olhando para o gráfico, rapidamente verificamos que a Nike é bem mais popular do que a Adidas e que a Under Armour é ligeiramente mais popular agora do que era em 2005.

É também possível ver que pesquisas são mais populares com estes termos – este é o caso da NIke:

Google Trends - Pesquisas relacionadas

É também possível fazer embed dos gráficos para os inserir em artigos (exemplo em baixo), mostrando sempre os números mais actuais sem esforço.

#4: Google Webmaster Tools

Um óptimo companheiro do Google Analytics é o Google Webmaster Tools, uma ferramenta menos focada em dar-nos informações sobre os visitantes, mas útil para avaliarmos o estado das componentes mais técnicas do nosso site, como erros de crawling ou sitemaps.

Ainda assim, esta ferramenta é agora relevante também por outro motivo. Para proteger a privacidade dos utilizadores, a Google optou por esconder no Google Analytics a maior parte das palavras-chave utilizadas para os visitantes chegarem ao nosso site, alterando-as para not provided.

No entanto, no Webmaster Tools é possível visualizar as palavras-chave mais populares, acedendo à página “Search Queries”, dentro de “Search Traffic”, que nos informa as impressões, os cliques, a CTR e a posição média da nossa página.

Google Webmaster Tools - Search Traffic

Olhando para a imagem em baixo, é possível determinar que entre 8 de Novembro e 6 de Fevereiro este meu artigo surgiu 115 vezes nos resultados da Google, geralmente na posição 5 ou 6, trazendo 3 cliques.

Webmaster Tools - artigo WWE Network

#5: Google Alerts

Para acompanhar o que dizem da nossa marca (ou qualquer outro termo) na web, uma boa opção é o Google Alerts. Existem inúmeros serviços deste género, mas este para além de gratuito cumpre os requisitos mínimos.

Depois de escolhermos o termo que queremos acompanhar, podemos definir a periodicidade do alerta por e-mail (sempre que se justificar, diário ou semanal), as fontes (blogs, vídeos, fóruns, etc) e a região. Também podemos optar por criar uma feed RSS em vez de receber um e-mail (se não souberes o que é uma feed RSS, podes-te informar aqui).

Eis um exemplo, se quisesse acompanhar o que se escreve sobre a marca GoPro:

Google Alerts - GoPro

#6: Google My Business

O Google My Business, antigo Google Places, é indispensável para pequenos negócios locais.

Ao registarmos o nosso negócio, fornecendo detalhes como morada e horário, o nosso perfil passa a reflectir essa informação, seja no motor de pesquisa convencional, no Maps ou até no Google+, aceitando agora também reviews.

Google My Business

Este é um serviço de grande conveniência para os utilizadores, que rapidamente podem confirmar se a loja está aberta ou não, por exemplo. É também muito fácil alterar a informação mais tarde.

Esta é uma excelente forma de sobressair no motor de pesquisa face aos resultados convencionais e uma forma de garantir maior credibilidade e visibilidade ao negócio nas principais plataformas de pesquisa.

Google My Business - visibilidade

#7: Think with Google

O Think with Google é essencialmente uma plataforma onde podemos encontrar bastante informação sobre as principais indústrias (Retalho, Tecnologia, Educação, Automóveis, Turismo, Publicidade, etc) como Case Studies, Infográficos, Webinars ou Estudos de Investigação.

Think with Google - Industries

É possível encontrar vários recursos sobre um tópico, como este “Behind the Scenes” com a Adidas,

Também podemos filtrar os conteúdos por plataforma (Vídeo, Mobile, Display, etc) e aceder à Creative Gallery para vermos como algumas marcas juntam a criatividade à tecnologia para acções memoráveis para o consumidor.

Think with Google - Creative Sandbox

Dentro deste site, podemos também encontrar várias ferramentas, onde destaco o Consumer Barometer, que nos dá informação sobre o comportamento dos utilizadores de 45 países diferentes.

Aqui, é possível aceder a vários dados interessantes sobre os portugueses, desde o número de aparelhos que cada pessoa tem como informação bem mais específica, como o tipo de conteúdo em vídeo que mais visualizam.

Think with Google - Consumer Barometer Portugal

Conclusão

Como se pode ver, no universo Google há muito mais para além do motor de pesquisa, do Google Drive ou do Blogger.

Apesar de nem todos os produtos triunfarem, a Google não pára de encontrar formas de manipular a informação que gere diariamente, criando ferramentas que nos facilitam a vida na Web enquanto marketers. Nós só temos de as aproveitar!

Tens uma sugestão para o #8?

Se quiser entrar em contacto comigo, pode enviar-me um e-mail para [email protected] ou preencher o formulário abaixo.

NOTA: Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

7 Ferramentas Google para Marketing Online

Tempo de Leitura: 8 min
0