Backblaze B2 – a alternativa barata ao Amazon S3

Backblaze logo featured

Backblaze B2 – a alternativa barata ao Amazon S3

Backblaze B2 – a alternativa barata ao Amazon S3 1240 700 Bruno Brito

Se precisas de alojar ficheiros na web com frequência, certamente conhecerás o serviço S3, da Amazon Web Services (AWS). Aqui, só pagas o que colocas online (upload), e o que os teus visitantes descarregam (download).

Muitos serviços de alojamento colocam limites de tráfego (ou reduzem a largura de banda) nos planos, pelo que sites que alojam muitos ficheiros pesados, como vídeos, recorrem a este tipo de serviços.

O Amazon S3 é uma solução relativamente barata, e todas as alternativas mais populares praticam um preçário similar; como o Microsoft Azure ou o Google Cloud.

Mas e se te dissesse que existe um serviço igualmente competitivo, a 1⁄4 do preço? É isso mesmo que te vou apresentar hoje: o Backblaze B2.

O Backblaze B2 já era mais barato que a concorrência há algum tempo, mas em Março deste ano a empresa decidiu baixar o preço dos downloads para metade (!) – já tinham feito uma surpreendente redução similar em 2017.

À data de escrita deste artigo, este é o preçário comparativo (em dólares):

Preçário Backblaze B2 Amazon S3 Microsoft Azure Google Cloud
Primeiro Terabyte $0.01 $0.09 $0.09 $0.12
Próximos 9 TB $0.01 $0.09 $0.09 $0.11
Próximos 40 TB $0.01 $0.085 $0.09 $0.08
Próximos 100 TB $0.01 $0.07 $0.07 $0.08
Próximos 350 TB+ $0.01 $0.05 $0.05 $0.08

Podes sempre recorrer à calculadora que fornecem para simulares o teu caso – e comparar o resultado com a competição.

Backblaze B2 - Calculadora

Um plano gratuito generoso

O Backblaze B2 também tem um plano de boas-vindas bastante interessante – os primeiros 10 GB de alojamento mensal são gratuitos, e o primeiro GB de downloads por dia também.

Se não estiveres à espera de um enorme fluxo de downloads, podes utilizar este serviço e não pagar um tostão! ????

Mas é só barato, ou é mesmo bom?

Assumindo que não queres alojar um site estático aqui, o Backblaze B2 vai certamente estar à altura do que pretendes:

  • podes criar alertas por e-mail/sms quando chega a um determinado número de downloads, ou definir máximos de utilização;
  • podes ver relatórios de ficheiros armazenados, carregados e descarregados, por mês;
  • podes fazer backups (chamadas snapshots) de todos os teus buckets e definir regras de lifecycle;
  • tem integração com a linha de comando e disponibiliza uma API.

Em termos de velocidade de download, nos meus testes sempre foi superior ao Amazon S3. Impressionante!

E porque é que não o recomendo para sites estáticos? Porque, infelizmente, não podes definir o index.html como o root file – ou seja, as pessoas não conseguiriam aceder ao teu site escrevendo oteudominio.com, apenas oteudominio.com/index.html.

Se procuras alojar um site, o Amazon S3 ainda será a solução que recomendo – até podes ler o meu guia para isso (ou como configurá-lo com a CDN CloudFront).

Como funciona o Backblaze B2

À semelhança do Amazon S3 ou de outros serviços do género, depois de te registares começas por criar um bucket – onde vais alojar um conjunto de ficheiros. Podes criar 100 buckets distintos.

Backblaze - Criar um Bucket

A partir daí, o upload é simples – podes utilizar o browser, ou uma das várias integrações disponíveis, como o Panic ou o Cyberduck.

Backblaze - Upload

Facilmente obténs o URL de cada ficheiro carregado, carregando no ícone de mais informação, à direita, e copiando o “Friendly URL” apresentado.

Backblaze - friendly URL

Como vês, o interface é muito intuitivo – eu diria até mais user-friendly que o principal concorrente.

O que dizes? Vais experimentar?

Se quiser entrar em contacto comigo, pode enviar-me um e-mail para [email protected] ou preencher o formulário abaixo.

NOTA: Todos os campos são de preenchimento obrigatório.

Backblaze B2 – a alternativa barata ao Amazon S3

Tempo de Leitura: 3 min
0